Sobre Macaúbas

A CIDADE

Bandeira de MacaúbasMacaúbas é um município brasileiro do estado da Bahia. Segundo o Censo 2010 do IBGE, sua população é estimada em 47.067 habitantes, sendo que a maioria vive na zona rural do município (67,26%). O município cobre uma área de 3.039 km². Situa-se na chamada Zona Fisiográfica da Serra Geral, microregião da Chapada Diamantina Meridional. Segundo o Governo do Estado, Macaúbas faz parte do território de identidade da Bacia do Paramirim.

Fundação: 1832

Datas importantes:
• 06 de julho (aniversário de emancipação da cidade)
• 08 de dezembro (dia da padroeira da cidade)

Prefeito: Amélio Costa Junior (PSB) 

  

HISTÓRIA

Brasão do MunicípioOs índios pertencentes ao grupo dos tupinaés (ramo dos tupinambás foram os primeiros habitantes da região) e existem vários sítios arqueológicos em todo o município. A formação do município começou em meados do século XVII, no "Coité", quando ali chegaram os primeiros brancos e ergueram uma capela em louvor a Nossa Senhora da Imaculada Conceição, ainda hoje a padroeira do município. Eram bandeirantes que transitavam pelo rio São Francisco em busca de ouro e pedras preciosas. A povoação formou-se em terras pertencentes ao município de Urubu (Rio Branco, hoje, Paratinga) do qual foi desmembrado em 1832, para constituir município independente, com o topônimo de Macaúbas, por decreto estadual de 6 de julho 1832, que também elevou a sua sede à categoria de vila. O início do seu funcionamento ocorreu em 23 de setembro de 1833. Com o crescimento do povoado, o curato da primitiva capela passou a ser a freguesia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição de Macaúbas, promovida pela Lei provincial nº 124, de 19 de maio de 1840. Esta denominação deveu-se à abundância de uma espécie de palmeira, que os índios denominavam "macaúba" ou "macaíba", atualmente em extinção no município. Pela lei estadual nº 1761, de 10 de junho de 1925, Macaúbas foi elevada à categoria de cidade e sede do município, ao qual foi incorporado o território do extinto município de Bom Sucesso (atual Ibitiara) já emancipado. A cidade cresceu em torno da Matriz de Nossa Senhora da Conceição, cuja Paróquia foi criada pela Lei 124, de 19 de maio de 1840. Na formação do povo macaubense há forte presença da miscigenação indígena com branco de origem portuguesa. O negro não esteve tão presente, pois o município era pobre e não teve muitos escravos. O imenso município perdeu terras na década de 60, quando emanciparam-se Boquira, com o distrito de Bucuituba (Santa Rita) e Botuporã, com os distritos de Tanque Novo e Caturama, atualmente emancipados. O território de Macaúbas apresenta "gerais" e “chapadões”. A principal elevação é a serra de Macaúbas, muito extensa e uniforme, que corre o município do sul para o norte e se eleva até 1250 metros. Afluentes do São Francisco pela margem direita, o rio Paramirim que nasce na Serra das Almas, serve de limite com os municípios de Caturama, Rio do Pires e Ibipitanga. O açude de Macaúbas, com capacidade de 20.900.000 metros cúbicos, construído pelo antigo DNOCS, permanece até hoje, pouco aproveitado.

 

HINO

"Terra Bendita" (1954)

Autor: José Benedito do Amaral*

"Macaúbas, terra bendita Para quem nela quer viver Pois tem um clima de fazer inveja Que nem toda terra pode ter Macaúbas, Macaúbas, Macaúbas, meu berço amado! Macaúbas, Macaúbas, Sempre quero viver ao teu lado!"

*Jose Benedito do Amaral (1921 - 2009): Mestre em música, fundou juntamente com o Padre Francisco Rastetter a Filarmônica N. Senhora da Imaculada Conceição em 1946. Aposentou-se como professor de Música do antigo CEAS - Colégio Estadual Aloysio Short.

 

ECONOMIA

O município vive basicamente da agropecuária, sendo a agricultura composta quase totalmente de lavouras de pequeno porte e de subsistência, contando a zona rural com cerca de 8.000 pequenas propriedades rurais, as quais produzem basicamente o feijão catador vendido para o norte/nordeste do país. Há no município riquezas minerais, de seu subsolo são extraídas o mármore azul, cristal de rocha e a barita.

 

TRANSPORTE

Há linhas diárias de ônibus para as cidades de São Paulo, Goiânia, Brasília, Vitória da Conquista, Ilhéus, Barreiras, Porto Seguro e Salvador. O município possui somente um campo de pouso, servido por táxis-aéreos. Empresas rodoviárias que atendem Macaúbas:

• Viação Novo Horizonte - (77) 3473-1048 (agência Macaúbas)
• Viação Real Expresso -

 

HÓTEIS E POUSADAS

- Macaúbas Palace Hotel: (77) 3473-2900
- Pousada Oliveira: (77) 3473-2259
- Pousada Refúgio: (77) 3473-1366
- Pousada Amaral: (77) 9995-4678 falar com Didi Bastos
- Pousada O Casarão: (77) 3473-1512
- Pousada Menino Jesus: (77) 3473-1603
- Hotel Portal: (77) 3473-1160

 

AGÊNCIAS BANCÁRIAS

- Banco do Brasil: (77) 3473-1062
- Caixa Econômica Federal: (77) - 3473-2550
- Bradesco : (77) 3473-1118

 

Fonte: O Macaubense

Últimos Eventos

Publicidade










Larissa Cardoso